Niterói ganha Centro de Cidadania dedicado ao atendimento de vítimas de violações de direitos humanos

16/03/2021- A Secretaria Municipal de Direitos Humanos inaugurou, na última sexta-feira (12), o primeiro Centro de Cidadania (Cecid) de Niterói. O espaço é dedicado ao atendimento de vítimas de violações de direitos humanos e conta com profissionais para realizar orientação jurídica, psicológica e social.

O Cecid é destinado às pessoas que tenham enfrentado situações como intolerância religiosa, trabalho escravo, racismo, homofobia, abuso infantil e prisões injustas. No local, também serão oferecidos serviços como apoio para retificação de nome social, emissão de documentos, acolhimento de migrantes e refugiados, entre outros.

O projeto foi elaborado em parceria técnica com a Secretaria de Direitos Humanos de São Paulo, que possui o Centro Integrado de Cidadania desde 2010. De acordo com o secretário de Direitos Humanos, Raphael Costa, o serviço vai aproximar ainda mais os cidadãos de Niterói dos seus direitos.

“A gestão do prefeito Axel Grael está focada em qualificar os serviços prestados aos cidadãos. O objetivo do Centro de Cidadania é justamente aproximar os niteroienses dos seus direitos fundamentais e diminuir a impunidade, principalmente para quem sofreu algum tipo de violação”, afirma o secretário.

Por conta da pandemia do novo coronavírus, os atendimentos são feitos mediante agendamento prévio pelo “Zap da Cidadania”, por meio do número (21) 96992-9577. O endereço do Centro de Cidadania é: R. Cônsul Francisco Cruz, 49 – Centro, Niterói – RJ.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support