Niterói vacina profissionais da educação pública municipal

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Niterói está vacinando esta semana contra a Covid-19 os profissionais da educação pública municipal de Niterói. O calendário se estende por toda a semana de acordo com a faixa etária. Nesta terça-feira (25), serão vacinados os profissionais com mais de 40 anos. Na quarta-feira, será a vez dos profissionais acima de 30 anos. Na próxima semana, a partir do dia 31, os trabalhadores da educação básica privada, estadual e federal lotados em escolas de Niterói poderão ser vacinados. A SMS está seguindo as etapas do Programa Nacional de Imunizações (PNI) do Ministério da Saúde.

No posto de vacinação, o profissional deverá apresentar o contracheque da Fundação Municipal de Educação/Secretaria Municipal de Educação, comprovando sua situação funcional.

O secretário de Educação, Vinícius Wu, ressaltou que uma das prioridades do Plano de Retomada das Aulas, desenvolvido e divulgado pela secretaria em janeiro, sempre foi a vacinação de todos os profissionais da rede.

“Nós tivemos, durante todo esse tempo, muita responsabilidade e muita seriedade para não fazermos anúncios precipitados que não pudessem ser cumpridos e gerassem frustração em nossos profissionais. Mais uma vez estamos provando e reafirmando que é possível defender, ao mesmo tempo, a saúde dos nossos profissionais e o direito fundamental a educação”, declarou.

Professora da rede há 13 anos, Monica Ianov, escolheu o posto volante do Campo de São Bento, em Icaraí, para receber a primeira dose da vacina. Para ela, o início da vacinação dos profissionais foi um marco histórico para a categoria, pois é um momento que todos precisam de afeto, solidariedade, mas principalmente de saúde.

“Agradeço em nome de todos os profissionais de educação pela solidariedade, pela seriedade e competência da equipe da Prefeitura e das secretarias de saúde e de educação. Que outras prefeituras possam ter esse olhar sensível também e desejo que todas as pessoas possam ser vacinadas o mais rapidamente possível. E que todos continuem se cuidando, usando máscaras, que isso logo vai passar”, comentou.

A professora da UMEI Senador Vasconcelos Torres, Deise Ornellas, que atua na rede há 10 anos, comemorou o início do calendário para os profissionais de educação. Ela afirma que é fundamental que a imunização chegue para toda a população.

“A vacina representa vida! Estava ansiosa por este dia. Estamos trabalhando muito no ensino online, mas não queremos ficar só em casa, queremos estar em contato com as crianças. Para isso, a imunização de todos é fundamental para que tenhamos um retorno seguro. Já temos quase 500 mil mortes, a vacina precisa continuar, assim como os cuidados em relação ao isolamento e ao uso de máscara”, afirmou.  

Já a diretora geral da UMEI Profª Nina Rita Torres, Gláucia Leão, que está na rede desde 2006, foi até a Policlínica Regional Dr. Carlos Antônio da Silva, no Centro, para receber a primeira dose do imunizante.

“Estou muito feliz e agradecida à ciência, à saúde, a todos de Niterói que batalharam para que a nossa categoria tivesse seu calendário de vacinação iniciado. É um dia de agradecer muito a essa oportunidade e de pedir, esperar e esperançar que todos também possam ter a vacina, pois lamento muito as vidas perdidas. É um dia histórico e memorável”, ressaltou.

Diálogo – Ainda nesta segunda-feira (24), as direções das 15 escolas da rede municipal que estão funcionando no modelo híbrido estiveram reunidas no auditório Amaury Pereira Muniz, na Fundação Municipal de Educação de Niterói, onde foram apresentadas novas diretrizes dos planos locais de retorno às atividades presenciais. O encontro, que seguiu os protocolos de combate à Covid-19, contou com a presença do secretário de Educação, Vinicius Wu, do presidente da FME, Fernando Cruz, e da superintendente executiva de Saúde, Camilla Franco.

“Tivemos poucas alterações e todas as recomendações devem ser seguidas. Um exemplo é que no Ensino Fundamental, as mesas terão o distanciamento de um metro, enquanto na Educação Infantil a recomendação é para que se mantenha a distância de um metro e meio. As três orientações básicas continuam valendo: o uso correto da máscara, o distanciamento social e a higienização das mãos. São as medidas que vão nos ajudar a combater a transmissão no nosso município. Caso você tenha contato com qualquer pessoa com suspeita ou positivo para coronavírus, fique em isolamento. Caso manifeste os sintomas procure o serviço de saúde” disse Camilla.

A superintendente explicou que há um programa de rastreamento e monitoramento para contenção e prevenção do coronavírus nas unidades da rede municipal. Todas as atividades das 15 escolas estão sendo acompanhadas pela Vigilância Epidemiológica e qualquer decisão sobre uma possível suspensão das atividades, será tomada de maneira conjunta pelas secretarias de Educação e Saúde. Todas as ações, segundo a Subsecretária Camilla Franco, além de garantir os protocolos sanitários e a reorganização da rede municipal, estão sendo implementadas para possibilitar um retorno acompanhado, monitorado e seguro.

Vacinação – Também estão sendo vacinadas esta semana pessoas com deficiências permanentes sem BPC e pessoas portadoras de comorbidades seguindo a idade. Terça-feira (25), a partir dos 40 anos, quarta-feira (26), a partir dos 30 anos e, entre quinta-feira (27) e sábado (29), pessoas a partir dos 18 anos.

Portadores de doença renal crônica e Síndrome de Down podem procurar uma unidade de vacinação em qualquer dia, independentemente da idade, portando identidade com foto, CPF, comprovante de residência e relatório médico atual (até 6 meses).

A partir desta terça-feira (25), equipes volantes do Consultório na Rua da Secretaria de Saúde vão vacinar a população em situação de rua e pessoas do sistema prisional da cidade.

No caso das gestantes e puérperas (com até 45 dias), a vacinação pode ser feita a qualquer momento, desde que sejam maiores de 18 anos. Por recomendação do Ministério da Saúde, esse público receberá a CoronaVac e por isso devem se dirigir à Policlínica Sérgio Arouca, em Santa Rosa, ou à Policlínica Carlos Antônio da Silva, no São Lourenço.

A partir do dia 31 de maio, será a vez da vacinação dos trabalhadores da educação básica privada, estadual e federal, lotados em escolas de Niterói. É necessário levar o contracheque no momento da vacinação. Podem se vacinar profissionais a partir dos 50 anos entre os dias 31 de maio e 5 de junho. Os profissionais com idade a partir dos 40 anos, poderão se vacinar entre os dias 7 e 12 de junho.

A SMS de Niterói está programando a vacinação contra a Covid-19 de acordo com a quantidade de vacinas repassadas pelo Ministério da Saúde. A população pode consultar qual grupo está sendo convocado para a imunização nas redes sociais da Prefeitura de Niterói, no site oficial da Prefeitura (www.niteroi.rj.gov.br), ou pelo número 153.

Calendário e locais de vacinação:

Trabalhadores da Educação Pública Municipal lotados em escolas (levar contracheque da Fundação Municipal de Educação/ Secretaria Municipal de Educação):

25/05 – a partir de 40 anos

26/05 – a partir de 30 anos

27/05 – a partir de 18 anos

28/05 – a partir de 18 anos

29/05 – a partir de 18 anos

Deficientes permanentes sem BPC e pessoas portadoras de comorbidades (identidade com foto, CPF, comprovante de residência, relatório médico atual (até 6 meses)

25/05 – a partir de 40 anos

26/05 – a partir de 30 anos

27/05 – a partir de 18 anos

28/05 – a partir de 18 anos

29/05 – a partir de 18 anos

Locais de vacinação:

Policlínica Sérgio Arouca – Rua Vital Brazil Filho, s/nº – Vital Brazil.
Policlínica Dr. João da Silva Vizella – Rua Luiz Palmier, 726 – Barreto.
Policlínica Regional de Itaipu – Avenida Irene Lopes Sodré – Itaipu.
Policlínica Regional Carlos Antônio da Silva – Avenida Jansen de Melo, s/nº – São Lourenço.
Policlínica Regional Doutor Guilherme Taylor March – R. Desembargador Lima Castro, 238 – Fonseca.
Policlínica Regional de Piratininga Dom Luís Orione – Rua Dr. Marcolino Gomes Candau, 111– Piratininga.
Policlínica Regional Dr. Renato Silva – Avenida João Brasil, s/nº – Engenhoca
Drive thru na Universidade Federal Fluminense – Campus Gragoatá – Rua Alexandre Moura, 8 – São Domingos.
Posto volante no Clube Central: Av. Jorn. Alberto Francisco Torres, 335 – Icaraí
Posto volante no Colégio Gomes Pereira: Av. Rui Barbosa, 1250 – Largo da Batalha
Posto volante no Campo de São Bento: Centro Cultural Paschoal Carlos Magno – Icaraí

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support