logo

logo logo logo Colab

Início
Prefeito de Niterói anuncia elaboração do Plano Municipal de Segurança Pública PDF Imprimir E-mail

7/4/2017 - O prefeito de Niterói, Rodrigo Neves, e representantes das polícias Civil, Militar, Federal, Rodoviária Federal e da Guarda Municipal participaram, na manhã desta terça-feira (4/4), da reunião do Gabinete de Gestão Integrada Municipal (GGIM). No encontro, Neves anunciou a criação do Plano Municipal de Segurança Pública, que deverá ser executado a partir deste mês, e consiste na normatização de uma série de ações conjuntas do Executivo e das forças de segurança que atuam no município.


Neves destacou que o objetivo é prover segurança pública e fazer com que Niterói seja realmente um exemplo de integração de esforços das instituições policiais.

“Nos reunimos para debater o Plano Municipal de Segurança, que será executado em ações integradas das forças de segurança que atuam na cidade. Quero destacar que, apesar de não serem satisfatórios, os índices de criminalidade de Niterói, nos últimos seis meses, são menores do que os números da cidade do Rio de Janeiro e do que a média das outras cidades da Região Metropolitana. Apesar do forte recrudescimento da violência na Região Metropolitana, acredito que nós estamos no caminho certo, que é o caminho da inteligência e da integração das forças policiais”, afirmou o prefeito.

Rodrigo Neves disse ainda que a prefeitura entende que as forças policiais cumprem uma missão importante para a cidadania e à sociedade.

“Da mesma forma que em fevereiro nós prestamos um auxílio emergencial às forças policiais do Estado, que estão enfrentando um cenário de adversidade, a prefeitura não faltará com essas forças, caso seja necessário, porque nós não podemos desamparar aqueles que têm a missão de proteger a sociedade. A prefeitura será aliada permanente dessas forças que estão aqui representadas?”, explicou o prefeito.

O coronel Paulo Henrique de Moraes, secretário executivo do GGIM, explicou que o Plano Municipal de Segurança integra o Plano de Metas da prefeitura para o período 2017-2020.

“A segurança é um dos pontos estratégicos nas metas da prefeitura. O plano está sendo elaborado pelo Executivo municipal com a participação das forças policiais. Na reunião, os representantes assistiram a uma apresentação das propostas da prefeitura, que serão analisadas por cada um, para que possam sugerir e acrescentar novas proposições”, disse.

Durante o encontro, o novo chefe da Delegacia da Polícia Federal em Niterói, Wanderson Pinheiro, informou que a Polícia Federal vai auxiliar as polícias Militar e Civil no combate ao tráfico de drogas e roubo de carga, entre outros crimes.

“É muito importante a Polícia Federal participar desse processo. Nossa atribuição toca pouco a criminalidade comum, mas a gente está se preparando para que a delegacia passe a atuar no  combate a essa criminalidade comum quer atinge o município, como o tráfico de drogas, roubo de carga e roubos em geral. A ideia é agente implementar algumas ações para combater esses crimes que atingem mais os cidadãos”, explicou o delegado.

O secretário municipal de Ordem Pública, Gilson Chagas, ressaltou que as forças de segurança de Niterói estão fazendo a diferença.

“Mesmo com indicadores de criminalidade menores, a integração da Guarda Municipal com as polícias, mesmo com poucos recursos, faz com que consigamos melhorar o serviço de segurança para a população”, afirmou Chagas.

O chefe do Estado Maior do 4º Comando de Policiamento de Área da Polícia Militar (CPA), Samir Lima Vaz, afirmou que segurança pública não se faz com uma única instituição, mas com um somatório de esforços multidisciplinares.

“O prefeito vem promovendo a integração das instituições voltadas para o atendimento da sociedade. Trabalhamos para promover uma melhor sensação de segurança, qualidade de vida dos cidadãos, o direito de ir e vir, de estar nas ruas e nas praças para o seu lazer”, disse Samir.

O delegado da Polícia Civil, José Renato Chernicharo, diretor do 4º Departamento de Polícia de Área, ressaltou o empenho do prefeito Rodrigo Neves em participar e contribuir para o combate à violência.

“Tivemos uma reunião muito produtiva, traçamos metas para desempenhar uma ação eficaz na maneira de combater a criminalidade. Com essa união e planejamento a população se sentirá mais segura”, afirmou.

Marcelo Ligieiro, chefe da segunda Delegacia da Polícia Rodoviária, destacou que a PRF é um órgão de segurança pública da esfera federal, mas que por estar em Niterói precisa participar desse processo.

“A ideia da PRF é sempre participar com nossa atuação para contribuir para a melhoria da  segurança da cidade. Nossa ideia é integrar cada vez o Cisp e  trabalhar junto com as outras forças de segurança”, explicou Ligieiro.
 

Prefeitura Municipal de Niterói
Rua Visconde de Sepetiba, 987 - Centro - Niterói - RJ