logo

logo logo logo Colab

Licitações SASDH

Licitações SEMUG


Início
Dia dos avós tem almoço dançante no Restaurante Popular PDF Imprimir E-mail

25/07/2018 – Na cidade do Estado do Rio de Janeiro com mais qualidade de vida para a população acima de 60 anos, a comemoração do Dia dos Avós está garantida. Nesta quinta-feira (26), o Restaurante Cidadão Escritor Jorge Amado, no Centro de Niterói, recebe, a partir das 10h, programação especial para celebrar a data. As atividades começam com apresentação de coral do Projeto Gugu. Mais tarde, às 10h40 é a vez da dança de salão e, às 11h20, apresentação do grupo Arte de Dançar.


O almoço será servido de das 10h às 15h, no valor de R$ 2, com cardápio variado. O secretário municipal do Idoso, Beto Saad, explicou que a ideia é proporcionar momentos de lazer durante a data comemorativa.

“Nosso objetivo é de que o idoso seja feliz e viva sabendo que recebe o olhar do poder público. Queremos que a vovó e o vovô também tenham entretenimento durante seu almoço”, disse.

Bem Vividos – Idosos que participam do projeto Bem Vividos, realizado na Policlínica Regional da Engenhoca, estiveram na sede Companhia de Limpeza de Niterói (Clin), nesta quarta-feira (25), para conhecer o viveiro de mudas e o galpão de reciclagem. Durante a visita à Clin, eles receberam informações sobre as espécies cultivadas no viveiro, sobre plantas medicinais, e também aprenderam sobre como é feito o trabalho de reciclagem.

O presidente da Clin, Luiz Carlos Fróes, diz que essa visitação é muito positiva, já que possibilita as pessoas conhecerem um pouco mais do trabalho e entender que o compromisso vai além da limpeza urbana.

“Somos uma empresa de limpeza e prezamos por um serviço de qualidade e temos também o compromisso com o meio ambiente. O nosso viveiro serve de base para o reflorestamento, recuperação de encostas e áreas degradadas e arborização de regiões da cidade. No nosso galpão, além da separação e prensagem de recicláveis, produzimos peças de artesanato para exposição em eventos, o que nos permite mostrar como reutilizar o reciclável”, explica Fróes.

Para a aposentada Sueli Pontes Ramos, de 72 anos, a experiência foi enriquecedora. “O viveiro é magnífico, um lugar muito bonito. A equipe de reciclagem tem um trabalho muito interessante e importante para o meio ambiente. Os funcionários transformam o material reciclável em peças lindas de artesanato”, conta Sueli, que há dois anos participa do projeto Bem Vividos.

 

 
Niterói Cervejeiro

ouvidoria


Prefeitura Municipal de Niterói
Rua Visconde de Sepetiba, 987 - Centro - Niterói - RJ