logo

logo logo logo Colab

Licitações FeSaúde

SEPLAG – UGP/CAF

Licitações SMEL

Licitações Sexec

Licitações SMEL


Início
Niteroienses terão número de WhatsApp para fazer denúncias sobre racismo PDF Imprimir E-mail

05/08/2020 – A Coordenadoria Especial de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Ceppir) de Niterói está lançando um número de WhatsApp específico para denúncias a respeito do racismo. O número (21) 96992-9577 funcionará apenas para mensagens e áudios e envio de fotos e vídeos e vai funcionar com atendimento em horário comercial, de segunda à sexta, das 10h às 18h.

De acordo com a Coordenadora do Ceppir, Celecina Rodrigues, esse número do “Fale com a Ceppir” vai auxiliar a direcionar as pessoas que forem vítimas de racismo a saberem como agir e onde denunciar.

“Estamos disponibilizando um número de Whatsapp por entender que as vítimas de racismo não sabem como proceder para denunciar. É muito difícil imaginar uma pessoa negra indo à delegacia fazer uma denúncia de racismo. Há tempos se fala que as pessoas vítimas de racismo não têm espaço para serem acolhidas, o que acaba por inibir as denúncias”, explica Celecina.

Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE) de 2017, revelam que a taxa de homicídios por 100 mil jovens é muito maior em negros do que em brancos. São 185 homicídios de homens pardos ou negros e 10,1 no caso de mulheres para 63,5 de homens e 5,2 para mulheres de pele branca. É importante ressaltar que, de acordo com a Constituição Federal de 1988, pela lei n.º 7716, de 5 de janeiro de 1989, o racismo é um crime inafiançável. Além disso, existe o Disque 10 que, desde 21 de março de 2019 (Lei Nº 6.496) também acolhe denúncias de racismo.

O Fale com a Ceppir vai funcionar de 10h às 18h, de segunda à sexta-feira. A equipe de atendimento manterá o sigilo do denunciante. O canal não está disponível para ligação, apenas mensagem por áudio e texto, assim como envio de vídeos e fotos de denúncia.

“Já temos recebido várias denúncias em nosso número convencional. Por isso entendemos a urgência de se implantar o serviço. A melhor forma de combater esse e outros delitos de preconceito é denunciando e trazendo a público. É importante lembrar que essa ação atende a uma demanda antiga do Conselho Municipal de Promoção da Igualdade Racial de Niterói (Compir-Nit), já incluído como proposta de conferências realizadas na cidade”, ressalta a coordenadora do Ceppir.

Celecina Rodrigues destaca ainda que as denúncias terão apoio jurídico para encaminhamento aos órgãos competentes para a investigação e prosseguimento de eventual processo, além de serviço de conscientização dos direitos.

Serviço: Fale com o Ceppir – denúncias de racismo

Número: WhatsApp (21) 96992-9577 para mensagens de texto ou áudio, além de envio de fotos ou vídeos da denúncia e 2618-0281 telefone fixo da Coordenadoria. Além disso, existe o Disque 10 que, desde 21 de março de 2019 (Lei Nº 6.496) também acolhe denúncias de racismo.

Horário: Segunda a sexta, 10h às 18h

 

Prefeitura Municipal de Niterói
Rua Visconde de Sepetiba, 987 - Centro - Niterói - RJ