Prefeitura de Niterói dá início à Semana do Idoso com ação social Imprimir

29/09/2017 – A Semana do Idoso, da Prefeitura de Niterói, começa neste domingo (01), com ação social gratuita em Icaraí. Serão dez dias de programação variada, shows, palestras, atividades culturais e serviços. O evento soma-se à outras iniciativas que o município vem implementando com foco nos mais de 83 mil moradores idosos da cidade, como o recente Conselho Municipal do Idoso e projetos de bem-estar, como o Projeto Gugu. A semana é promovida pela Secretaria Municipal do Idoso, em parceria com a sociedade civil e instituições culturais.



No domingo, data instituída pela Organização das Nações Unidas (ONU) como Dia Internacional do Idoso, uma ação social abre os trabalhos da semana, de 9h às 12h, na Praia de Icaraí, em frente à Reitoria da UFF. A programação vai ser variada, com aferição de pressão arterial e glicose, manicure, design de sobrancelha, corte de cabelo e barba, acupuntura com cristais, orientação e encaminhamento jurídico, dança, recreação e atrações musicais.

Outro destaque da programação é a  posse da Comissão de Apoio à Terceira Idade, na segunda-feira, das 15h às 18h, na OAB Niterói (Av. Amaral Peixoto, nº 507). O secretário municipal do Idoso, Beto Saad, lembrou que a expectativa é que a população de idosos em Niterói chegue a 25% em 20 anos.

"Mais do que um período festivo, a Semana do Idoso deve ser vista como um momento de reflexão e conscientização sobre os direitos dessas pessoas que hoje representam 17% da população da nossa  cidade. Importantes iniciativas já estão sendo tomadas como, por exemplo, a criação do Fundo do Idoso, do Conselho Municipal do Idoso, entre outras ações. Ser idoso é um privilégio, e acima de tudo um direito de envelhecer com saúde, diversão, cultura, turismo, esporte e lazer”, ressaltou.

Os eventos são, em sua maioria, abertos ao público. Em alguns casos, contudo, é preciso fazer inscrição para garantir a participação. Na terça-feira (3), a Câmara dos Vereadores recebe, às 17h, exibição do filme “Minha Mãe É Uma Peça 2”. Serão 50 vagas abertas, no telefone 2620-0885. Na quinta-feira (5), é a vez do Café Paris da Biblioteca Parque de Niterói abrir suas portas, das 15h às 17h, para o “Coisas da Antiga”, um baile com os sambas que fizeram história, além de muita poesia e memórias de vida para contar, com participação especial do grupo "As Cigarras”. As inscrições podem ser feitas no local, com 50 vagas. Na sexta-feira (6), a Biblioteca Popular Anísio Teixeira, em Icaraí, recebe a oficina “Leitura e autoria: mais idade, mais histórias, mais sabedoria”, das 14h às 16h.

O seminário “Terceira Idade no Brasil: Revendo Alguns Conceitos e Tendências”, na Universidade Salgado de Oliveira, encerra, no dia 10, das 9h às 12h, a Semana do Idoso. A programação completa está disponível em http://niteroi.rj.gov.br/semanadoidoso/semana-idoso.pdf.

Niterói: 1º lugar em qualidade de vida para idosos

Niterói é a cidade com melhor qualidade de vida para os idosos no estado do Rio de Janeiro, e a quarta mais bem colocada no país. A análise é do Instituto de Longevidade Mongeral Aegon e da Fundação Getúlio Vargas, que fizeram um levantamento com 498 cidades brasileiras. No ranking nacional do Índice de Desenvolvimento Urbano para Longevidade, Niterói aparece em quarto lugar entre as cidades com mais de 100 mil habitantes, atrás de Santos (SP), Florianópolis (SC), Porto Alegre (RS) e na frente de São José do Rio Preto (SP), Ribeirão Preto (SP), Jundiaí (SP), Americana (SP), Vitória (ES) e Campinas (SP).

Entre os projetos de saúde e bem-estar que atendem à população idosa, estão o  Bem Vividos - que acontece nas policlínicas regionais do município, com atividades gratuitas voltadas para pessoas acima de 65 anos -; informática – os telecentros municipais possuem cursos básicos gratuitos voltados para a terceira idade, em Informática Básica e Libre Office, duas vezes na semana com 1h30 de duração; academias – equipamentos de ginástica voltados a idosos estão instalados em várias praças e parques da cidade. A iniciativa da Prefeitura de Niterói já chegou no Largo da Batalha, Piratininga e Fonseca; e Projeto Gugu – aulas de ginástica, dança de salão e coral para mais de 5 mil participantes cadastrados, em 40 núcleos no município.