Secretários municipais discutem mobilidade urbana e meio ambiente durante 73ª Reunião Geral da Frente Nacional de Prefeitos Imprimir

08/05/2018 – Niterói voltou a receber, nesta terça-feira (08), fóruns nacionais com participação de secretários municipais durante a 73ª Reunião Geral da Frente Nacional de Prefeitos, no Caminho Niemeyer.

No encontro da Associação Nacional de Órgãos Municipais de Meio Ambiente (ANAMMA), o secretário Executivo, Axel Grael, e o secretário de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Eurico Toledo, falaram sobre as soluções que Niterói vem encontrando para construir uma cidade resiliente.

Axel Grael  apresentou o projeto Pro-Sustentável e anunciou que foi publicado hoje em Diário Oficial o edital para levantamento fundiário no entorno do Rio Jacaré.

“Muitos dos projetos que estamos cumprindo agora, viemos sonhando há muitos anos. O edital lançado hoje é um passo importante para a renaturalização do Rio Jacaré. A captação de recursos foi um diferencial de Niterói para realização de vários projetos, como o Pro-Sustentável”, disse.

Durante o Fórum Nacional de Secretários e Dirigentes Públicos de Mobilidade Urbana, os secretários de Urbanismo, Renato Barandier, e o presidente da Nittrans, Paulo Afonso Cunha, discutiram os desafios da mobilidade nas cidades brasileiras.

“Niterói é uma cidade de 500 mil habitantes, com uma frota de aproximadamente 200 mil automóveis, 800 ônibus e 1200 veículos intermunicipais. Trabalhando com esses números e atuando com fiscalização, conseguimos nos últimos anos uma redução drástica no número de acidentes na cidade, que é a atual prioridade do sistema nacional de trânsito”, destacou.

Amanhã (09) é a vez do encontro do workshop “Nova Gestão Pública: uma agenda para o Brasil”, da reunião do Colegiado Nacional de Gestores Municipais de Assistência Social e do Fórum Nacional de Secretários e Gestores Municipais de Cultura das capitais e municípios associados.

Seop debate segurança com gestores de outros estados

A Cidade da Ordem Pública, no Barreto, foi palco do Seminário que debate o papel da segurança pública municipal e as ferramentas tecnológicas utilizadas pela prefeitura de Niterói na segurança pública e ordenamento urbano.

O secretário de ordem pública de Niterói, Gilson Chagas e Silva Filho, falou sobre a participação do município na segurança pública e explicou como opera o Centro Integrado de Segurança Pública (CISP), que será roteiro de visitação, quarta-feira (09/05), de secretários municipais e Inspetores de diversas Guardas do Brasil.

“Em Niterói consideramos que não se pode pensar segurança pública sem a participação do município, por isso a Prefeitura decidiu implantar o Centro Integrado Segurança Pública, que é uma ferramenta tecnológica que monitora a cidade e atua de forma integrada com as forças estaduais de segurança. As imagens das câmeras são uma grande ferramenta para elucidação de delitos, mas não ficamos restritos a isto. Nosso canal de atendimento, o 153, que é o número para atendimento da Guarda Civil Municipal, recebe mais de mil ligações mensais, atendendo desde demandas da área criminal até as de resgate de animais”, disse.