Escolas do Caramujo receberão climatização e novos equipamentos de informática Imprimir

21/08/2019 - O prefeito Rodrigo Neves abriu o terceiro dia do projeto Prefeitura Móvel, no Caramujo, visitando a Escola Municipal José de Anchieta e a Unidade Municipal de Educação Infantil (Umei) vice-prefeito Luiz Eduardo Travassos do Carmo, ambas no Morro do Céu. Durante a visita, o prefeito anunciou a climatização de todas as unidades educacionais do bairro e o reaparelhamento dos laboratórios de informática das unidades. Neves também visitou as obras de uma quadra poliesportiva e de pavimentação e drenagem na comunidade. À tarde, vistoriou o terreno onde será construída a plataforma urbana digital, em Santa Bárbara.


“É gratificante visitar essas escolas e constatar que as crianças estão recebendo uma boa educação. Já determinei que todas as unidades do bairro recebam climatização e vamos reequipar os laboratórios de informática para que as crianças e jovens aprendam a usar, de forma positiva e construtiva, os recursos da internet”, disse Rodrigo Neves.

Na Escola Municipal José de Anchieta estudam 473 alunos, do primeiro ao nono ano, divididos em 20 turmas. O prefeito foi recebido por um grupo de estudantes do projeto pedagógico da unidade, que produzirá um vídeo sobre a visita. A estudante Ariane dos Santos, da turma de aceleração 4, registrou tudo com uma câmera de vídeo doada à instituição pela Fundação Municipal de Educação. O aluno Ivan Carlos, do oitavo ano, guiou o prefeito pelos corredores da escola e gravou o áudio. As estudantes Maria Fernandes, e Lidiane Carvalho, ambas do oitavo ano, deram apoio as gravações.

“Estamos usando o equipamento da escola para gravar pequenos vídeos educacionais e também queremos produzir memes voltados para a educação, porque o meme é uma linguagem que os jovens gostam”, contou Ivan Carlos.

Santa Bárbara – Acompanhado de secretários, o prefeito vistoriou, à tarde, o terreno onde será construída a plataforma urbana digital de Santa Bárbara. O equipamento seguirá os mesmos moldes da unidade inaugurada pela prefeitura na Engenhoca, com a oferta de cursos de fotografia, robótica, entre outros.

“Escolhemos este terreno por estar em uma área estratégica e central do bairro, próximo à praça e à quadra que revitalizamos recentemente. A região Norte tem recebido importantes investimentos. Em Santa Bárbara, por exemplo, estamos fazendo obras de contenção de encostas, criando áreas de convivência, recapeamento de ruas, e este equipamento será mais um orgulho para os moradores do bairro, que terão um espaço com tecnologia e formação para crianças e jovens”, disse Rodrigo Neves.

A previsão é que o edital para a contratação da empresa que realizará a obra seja lançado até o início de outubro. O equipamento deve estar concluído e entregue à população em 2020. O projeto do prédio está sedo desenvolvido pelo arquiteto Dietmar Starke e sua equipe.

“Este é um projeto que visa não só a inclusão digital, como a inclusão dos jovens, a acessibilidade. Sincronizamos nossa ideia com o perfil da cidade, que tem esta preocupação com a inclusão. Dentro deste conceito e também por ser uma cidade que reúne obras do Oscar Niemeyer, estamos desenvolvendo um projeto muito bacana, que, com certeza, fará a diferença”, contou Starke. Ele ressalta ainda que as árvores que existem no terreno serão preservadas.

A diretora da Subsecretaria de Ciência e Tecnologia, Adriana Neves, destacou a importância do projeto e lembrou que esta será a terceira plataforma na cidade.

“Fizemos hoje uma entrega inicial do conceito do projeto executivo da plataforma urbana digital, que será a nossa terceira na cidade dentro do programa Niterói Digital, o programa que oferece oportunidades mediadas pela tecnologia. Na Engenhoca, por exemplo, temos mais de duas mil pessoas sendo atendidas, além da unidade que funciona no MACquinho, no Morro do Palácio, na Boa Viagem. Cada plataforma tem a sua identidade e aqui a marca será a qualificação para o audiovisual. Mas também haverá o núcleo de inclusão digital, de games e robótica”, disse Adriana.

Para a secretária de Fazenda, Giovanna Victer, este equipamento será mais um marco para o desenvolvimento da cidade e de seus moradores.

"A plataforma será um centro de formação tecnológica, profissional e de interação social para o bairro de Santa Bárbara. Nós, da Prefeitura, acreditamos que a inclusão digital é um dos principais mecanismos de redução de desigualdades, e leva a oportunidade para os nossos jovens e crianças conseguirem se familiarizar com essa atividade, faz parte da nossa forma de governar, com inclusão, modernidade e preocupação com as áreas e as populações mais vulneráveis”, enfatizou Giovanna.

Gabinete itinerante - O projeto Prefeitura Móvel no Caramujo começou na última segunda-feira (19) e termina nesta sexta-feira (23) levando órgãos públicos municipais para mais perto dos moradores, que podem fazer reivindicações e sugestões para a administração municipal. O atendimento aos moradores está sendo feito das 9h às 17h, na Escola Municipal Antineia Silveira Miranda (CIEP Caramujo).

Durante toda a semana, o prefeito Rodrigo Neves despacha no gabinete montado especialmente para a ocasião no CIEP. Ele também tem reuniões marcadas no local com secretários municipais e líderes comunitários, além de atender pessoalmente os moradores.

Nos últimos cinco anos, a Prefeitura de Niterói investiu mais de R$ 250 milhões em melhorias no bairro do Caramujo. Foram obras de contenção de encostas, algumas ainda em andamento, construção de escolas, saneamento, construção de moradias e implantação de unidades de saúde. Até dezembro, a Prefeitura vai entregar à população o Parque Esportivo do Caramujo, com campo de futebol, pista de atletismo, pista de skate e bicicross, pista de caminhada e playground.

Agenda - Amanhã (21), durante o Prefeitura Móvel, o prefeito visita a unidade do Médico de Família e participa do ato de desapropriação do Clube Figueira.