Circuito urbano do ONU-habitat começa em Niterói nesta terça-feira Imprimir

27/09/2019 – “Cidades Inovadoras e Inclusivas” - Como a inovação pode aprimorar serviços e políticas urbanas de maneira inclusiva e sustentável?” Esse é o tema da edição 2019 do Circuito Urbano, uma iniciativa da ONU-Habitat, que será aberto em Niterói, na terça-feira (1/10), às 9h, no auditório do Caminho Niemeyer, pelo prefeito Rodrigo Neves, pelo secretário municipal de Planejamento, Orçamento e Gestão, Axel Grael, e pela oficial nacional da ONU Habitat para o Brasil, Rayne Ferretti Moraes. Ao todo, durante o mês de outubro, serão realizados 11 eventos, promovidos pela Prefeitura, com a chancela da organização.



As atividades do Circuito Urbano em Niterói começam na própria terça-feira, com o seminário “Niterói Resiliente - por uma gestão mais participativa e sustentável”, no auditório do Caminho Niemeyer (Rua Jornalista Rogério Coelho Neto - Centro). Uma série de palestras e discussões estão programadas para o evento, que é aberto ao público, das 9h às 17h. Durante a manhã, as autoridades presentes falarão sobre a experiência global de Niterói como cidade resiliente, inovadora e inclusiva. Esse bloco será encerrado com a apresentação do projeto “Arte na Rua”.

À tarde, acontecem as palestras com a seguinte programação: Plano Municipal de Resiliência (Walace Medeiros – Secretário de Defesa Civil de Niterói), Novas Visões da Defesa Civil (Airton Bodstein – fundador e coordenador do programa de pós-graduação em Defesa e Segurança Civil da UFF), Manutenção Preventiva da Cidade (Luiz Fróes – presidente da Companhia de Limpeza Urbana de Niterói – Clin), Ações Preventivas da Secretaria Municipal de Conservação (Dayse Monassa – Secretária de Conservação e Serviços Públicos de Niterói), Cidades Resilientes: ecologia urbana e mudança do clima (Eurico Toledo – Secretário de Meio Ambiente, Recursos Hídricos e Sustentabilidade de Niterói), Relacionamento com o Cidadão e Gestão Colaborativa (Fernando Stern – Coordenador de Comunicação Digital e Relacionamento com o Cidadão da Prefeitura de Niterói) e Georreferenciamento – Sigeo (Axel Grael – Secretário de de Planejamento, Orçamento e Gestão de Niterói).

Para participação nas palestras do seminário “Niterói Resiliente - por uma gestão mais participativa e sustentável”, é preciso inscrever-se. O link está disponível na página do Facebook
www.facebook.com/events/235795217353479/, na descrição do evento.

Circuito Urbano – A programação do Circuito Urbano inclui, ainda: Conferência das Cidades (5/10), HackNit Itinerante (9/10), Negritude na Ciência (10/10), Conferência de Transparência e Controle Social (12/10), Ação para a Mobilidade no Bicicletário e Workshop Mobilize: Construindo a Cidade do Futuro (17/10), Feira de Ciências, Tecnologia e Inovação de Niterói (18 e 19/10), Workshop Niterói do Futuro: Compromisso com a Sustentabilidade Fiscal e o Futuro das Próximas Gerações (23/10), Apresentação Projeto Bicicleta Compartilhada (26/10) e I Fórum Intermunicipal de Tecnologia Assistiva (30 e 31/10).

Todos os 11 projetos submetidos pela Prefeitura de Niterói e aprovados pela ONU Habitat para integrar o Circuito Urbano têm uma ferramenta em comum: o COLAB, sistema pelo qual a população de Niterói pode participar da administração do município, registrando via redes sociais sua opinião ou sugestões sobre os vários aspectos da cidade. As informações colhidas por meio dessa participação popular, são encaminhadas para as áreas pertinentes para a tomada de providências ou, mesmo, elaboração e implantação de projetos.

ONU Habitat – O Programa das Nações Unidas para os Assentamentos Humanos atua em prol do desenvolvimento urbano social, econômico e ambientalmente sustentável e promove a moradia adequada para todas e todos. Com participação ativa nas agendas globais, é responsável principalmente pelo ODS 11, que busca “tornar as cidades e os assentamentos humanos inclusivos, seguros, resilientes e sustentáveis”.